Resenhas

As Chances que a Vida dá, Quitéria Vargas

As Chances Que a Vida Dá“Beatriz, uma adolescente que teve uma infância triste e abusiva e juventude problemática, agora se encontra no maior dilema de sua vida. Após se apaixonar por um rico norueguês, ela termina cúmplice de assassinato, em meio a uma teia de intrigas, mentiras, mortes, abusos e dinheiro, onde não se pode confiar em mais ninguém. Nessa história nada é o que parece ser e seu inimigo pode estar dentro de você.”

 

 

Beatriz é uma jovem que nasceu no Complexo do Alemão e desde muito cedo já teve que lidar com as dificuldades da vida. Sua mãe parece uma adolescente irresponsável e quem precisa cuidar da casa, dos irmãos mais novos e da própria mãe é Beatriz.

Já muito nova, Beatriz bebia, ia para as festas que ocorria dentro da favela e não demorou muito para que ela percebesse que chamava a atenção de muitos homens. Precisando de dinheiro para comprar comida para dentro de casa, ela começa a se prostituir. A mãe parecia alheia a situação, queria apenas aproveitar o dinheiro que Beatriz trazia para casa, sem se importar de onde a filha tirava.

De todos os clientes, dois foram especiais para Beatriz e até chegaram a balançar com o coração da garota. Com um, ela acabou virando cúmplice de assassinato e o outro, ela viveu um sonho, até a vida obriga-la a acordar.

“Era um caminho que eu não sabia ao certo onde ia dar, mas eu sabia bem onde eu tinha começado e não tinha lugar pior do que onde eu já havia estado. Um lugar escuro, sombrio, cheio de cobras e ratos, e eu não ia voltar!”

As Chances que a vida dá é baseado em fatos reais e a autora soube muito bem contá-la. É de cortar o coração ler o que Beatriz passou e mais ainda saber que existem muitas mulheres por aí passando pela mesma situação. E nem todas podem ter a mesma chance do final feliz que a personagem deste livro teve. A protagonista é uma mulher forte, batalhadora, que mesmo com as dificuldades da vida, não desiste e vai em frente.

Eu gostei muito dessa história, da maneira que foi contada, pois me fez refletir muito sobre inúmeras coisas. Quitéria Vargas nos apresenta uma escrita dinâmica, fácil, que nos faz querer mais e mais e não parar até que tenha lido a última frase das 223 páginas.

“(…) depois de todos os aprendizados, eu tive certeza pela primeira vez na vida de que foi tudo exatamente como tinha que ser, e eu pude mais uma vez recomeçar graças às chances que a vida dá.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s